27 abril 2011

In the mirror

Alguma coisa no meu reflexo estava diferente naquela manhã. Algo que vinha do fundo do meu olhar e tirava minha paz. O que mais me intrigava, era quem eu havia me tornado depois da sua partida... não me reconhecia... não sei o que havia me tornado. Tudo o que via diante de mim, era a minha derrota minha solidão.
Com um violento soco, quebrei o espelho e com ele tentei apagar a lembrança do que eu havia me tornado.
Depois, vou tentando matar os inimigos ocultos e internos que aos poucos iam deixando meus dias cada vez mais frios. Durmo uma noite inteira para me livrar das olheiras e deixo o pulso cicatrizar de vez. Vou acabando dia a pós dia com as lembranças que restam de você.
Com a mão direita ensangüentada, comecei a juntar os cacos da minha inocência e os estilhaços das minhas memórias. Sabia que poderia continuar... como a fênix que levantou vôo antes de virar cinzas... eu tentarei continuar.

 Texto feito e modificado por mim e pelo @Tiguissykes :D

11 comentários:

  1. Talvez o final feliz, seja só seguir em frente nao é ?! Enfim, é fundamental isso, bola pra frente é assim que se faz (:

    ResponderExcluir
  2. Lindo! Quando alguém parte é assim que nos sentimos: em cacos, como um espelho quebrado.

    http://meumundoecolorido.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Culpa do Tiago, rsrs !
    Não é tão violento, ele já escreveu piores, ausaush

    ResponderExcluir
  4. Oun, que lindo flor, eu amei!
    comenta? http://innocenceteen.blogspot.com/2011/04/encontre-sua-turma.html

    ResponderExcluir
  5. juntar os cacos é realmente muito díficil.
    Mas continuemos, tentando de alguma forma seguir em frente.

    ResponderExcluir
  6. Amei! *-*

    Continuar, pois não há nada mais restaurador do que seguir sem olhar para trás.

    Seu blog está a cada dia mais lindo Gabie. :D Parabéns!

    ResponderExcluir
  7. noossa que lindo, é verdade sempre que perdemos alguém que amamos mudamos muitoo.. nós não conseguimos ver isso até que olhemos para o nosso reflexo .
    mas temos que seguir em frente pois a vida continua e mais linda do que nunca ...

    ResponderExcluir
  8. é, amar é isso aí: querer, sofrer, perder.
    e ninguém tem culpa de nada, o maior problema é esse! não temos nem em quem colocar a culpa :/

    - Adorei seu blog, se puder dar uma passada no meu e dar sua opnião...
    http://coisasqdaonatelha.blogspot.com/
    http://explanandosegredos.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. Owww gaby não é culpa minha a parte violenta qum escreveu foi vc By:tiguissykes

    ResponderExcluir